Sobre o IDG

Criatividade. Comprometimento. Resiliência. Versatilidade. São muitas as palavras que podem definir a atuação do Instituto de Desenvolvimento e Gestão, uma organização privada, sem fins lucrativos, que surgiu em 2001 e em 2013, refundada, passou a ocupar uma lacuna que se apresentava no mercado – a gestão privada de projetos de interesse público e o desenvolvimento e implementação de projetos culturais e ambientais.

Em sua gênese, o IDG se tornou especialista em gerir centros culturais públicos e programas ambientais, mas vem ano a ano ampliando e diversificando suas atividades. Atualmente, também presta consultorias para a concepção, modelagem, formatação e gestão de implementação de projetos, desenvolvendo o escopo, fazendo a captação de recursos, o enquadramento nas leis de incentivo, quando é o caso, e gerindo sua implementação. Atua também com a gestão do equipamento cultural.

Com um sólido modelo de governança, pautado pela segurança jurídica, financeira e transparêcia na gestão, e constituído por conselhos administrativo e fiscal, além de uma área de compliance, o IDG conquistou credibilidade e a confiança de parceiros, instituições e vários agentes da sociedade civil.

O IDG tem ampla capacidade de articulação nacional e internacional, se conectando com as esferas públicas e privadas e formando redes de parcerias que dão o suporte para a implantação e manutenção de seus projetos. Uma casa essencialmente de parcerias, o IDG está sempre em busca de novos caminhos, fontes e alternativas para os diversos cenários nos quais atua, mitigando crises e oferecendo soluções criativas. Para isso, trabalha com paixão e cooperação e investe no desenvolvimento das pessoas, respeitando as diferenças e apostando nos múltiplos talentos de cada um.

MISSÃO

Desenvolver o potecnial de pessoas e organizações por meio das artes, da cultura e do meio ambiente, tendo na gestão nosso principal instrumento de realização.

VISÃO

Pessoas maravilhadas pela cultura e pela natureza

VALORES

Alegria, Colaboração, Criatividade, Respeito.